segunda-feira,20 maio 2024

Acre tem apenas um leito de UTI disponível para adultos, diz Sesacre; situação é preocupante

Everton Damasceno, ContilNet

O Acre decretou situação de emergência em saúde pública nesta terça-feira (14), em virtude do aumento expressivo de casos de Síndrome Respiratória Aguda Grave e da superlotação dos leitos da Unidade de Terapia Intensiva (UTI).

De acordo com o painel de monitoramento dos leitos da Secretaria Estadual de Saúde (Sesacre), no Pronto-Socorro de Rio Branco, dos 27 leitos de UTI, 26 estão ocupados. Na Fundhacre, todos os 18 estão ocupados. E no Hospital Santa Juliana, os 20 existentes estão ocupados.

No Juruá, a situação também é preocupante. Todos os 10 leitos de UTI estão ocupados.

Em conversa com o ContilNet, na última semana, o secretário de Saúde Pedro Pascoal afirmou que a maioria dos leitos de UTI estão ocupados com casos relacionados a politraumas (provocados por acidentes de trânsito, especialmente), infecções não relacionadas ao aparelho respiratório e, por último, síndromes respiratórias.

 

Últimas