domingo,26 maio 2024

“Não tô preocupado e o Diretório que se resolva”, diz Gladson sobre aliança entre PP e Bocalom

Matheus Mello, ContilNe

O governador Gladson Cameli voltou a adotar uma postura isenta sobre a disputa pela Prefeitura de Rio Branco. Nesta quarta-feira (2), ele falou pela primeira vez sobre uma aliança entre Alysson e Bocalom, que causou um racha dentro do Progressistas.

Ao ser questionado se a união entre PP e PL está sacramentada, o governador disse que não está preocupado com esses assuntos no momento e jogou a responsabilidade para a Executiva Municipal do Progressistas, agora presidida pela secretário de Educação, Aberson Carvalho.

“Ainda não tô preocupado com essa questão de política. Eu não sou candidato. O Diretório Municipal que se resolva. Eu vou cuidar de governar, de fazer obra. Quem quiser reclamar, que reclame. Quem quiser chorar, que chore. E vá atrás de voto”, destacou.

Gladson disse ainda que não vai antecipar as eleições.“Quando eu falo de política eu estou antecipando uma eleição. Eu tenho tanta coisa para fazer. Cabe ao Diretório delegar as funções. Ninguém aqui é criança e todo mundo é vacinado, maior de 18 anos, sabe que um mais um é dois e sabe que quem manda é Deus e o povo”, finalizou.

Últimas