PMs são detidos após disparos em confusão durante show de Maiara e Maraisa

Dois policiais militares foram detidos nesta sexta-feira, 16, após realizarem disparos durante uma confusão no show da dupla sertaneja Maiara e Maraisa, em Juara (MT). A apresentação durou cerca de meia hora e foi cancelada depois do ocorrido. A Polícia Civil apura os fatos.

Os tiros aconteceram no início do show. Em um vídeo publicado nas redes sociais, é possível ouvir pelo menos oito disparos de arma de fogo. Os autores dos disparos são policiais militares que estavam no local do evento.

Segundo a versão apresentada pela polícia, uma briga generalizada ocorria na plateia. A PM foi acionada e encontrou no local uma pessoa sendo espancada por outros seis indivíduos, que não foram identificados.

PMs são detidos por efetuarem disparos durante confusão em show de Maiara e Maraisa:

Um policial militar também teria sido agredido com um soco no rosto. Os agressores tentaram tirar as armas dos PMs, que reagiram fazendo disparos para o alto para dispersar a multidão e os agressores.

Ainda segundo relatado à Polícia Civil, a briga generalizada teria começado depois que um dos agressores assediou a irmã de uma das vítimas, o que teria iniciado as agressões, que depois envolveram os PMs que estavam próximos.

O homem que foi espancado relatou que os seguranças do evento viram os agressores, mas não tomaram nenhuma atitude até o momento dos disparos. A Polícia Civil informou, por meio de nota ao Terra, que apura a ocorrência.

A cantora Maraisa não mencionou o episódio nas redes sociais, mas tranquilizou os fãs, dizendo que está tudo bem.

Últimas