Acre é o 10° estado com maior número de moradias danificadas por desastres naturais, revela CNM

Em relação as moradias totalmente destruídas, o estudo revelou que 1.113 casas foram atingidas diretamente

Um estudo da Confederação Nacional dos Municípios (CNM) revelou que entre 2013 e 2023, 78.701 moradias no Acre foram danificadas em razão de desastres naturais. A principal causa foram as enchentes dos rios.

Desbarrancamento destruiu casa no bairro Seis de Agosto em 2023/Foto: Reprodução

Em relação as moradias totalmente destruídas, o estudo revelou que 1.113 casas foram atingidas diretamente.

No ranking geral, o Acre aparece em 10° lugar entre os estados brasileiros com o maior número de casas danificadas. No segundo ranking, entre os estados com maiores casas destruídas, o Acre figura em 14° lugar.

A estrutura do estudo está organizada em cinco partes, a primeira introduzindo o contexto geral que agrava o cenário habitacional no Brasil; a segunda direcionada a atualizar o panorama das situações de emergência ou estado de calamidade pública que tiveram prejuízos em habitação; posteriormente, foi realizado o cruzamento desses dados com a redução dos investimentos realizados em habitação de interesse social em âmbito nacional, provenientes do programa Minha Casa, Minha Vida (MCMV), relativos à faixa 1 (beneficiários de menor renda), a fim de investigar o atendimento a essas comunidades mais vulneráveis.

Em um quarto momento, é analisada a lista de enquadramento de propostas do novo MCMV para atender às famílias que perderam moradia em 2023, averiguando a efetividade da meta prevista para essas famílias. Por fim, são dadas recomendações e alternativas às políticas federais, com a intenção de promover diálogo para que essa realidade possa ser melhorada.

Sobre

@2024 – Todos os direitos reservados. Hospedado e desenvolvido por RJ Sistemas