Atriz Maria Casadevall se torna membro do Santo Daime, doutrina amazônica do Acre: Reverenciando as origens

Ela segue a religião há cinco anos e dedicou meses de estudo para ser aceita na comunidade

A atriz Maria Casadevall, famosa por seu trabalho na Rede Globo de Televisão, revelou recentemente que se tornou integrante do Santo Daime, adotando oficialmente os trajes da religião.

um relato emocionante nas redes sociais, Maria compartilhou sua jornada espiritual, que já dura cinco anos, incluindo meses de estudo dedicado para alcançar essa etapa.

Fotos da cerimônia de fardamento foram publicadas nas redes sociais da atriz/Foto: Reprodução

Nas fotos divulgadas, ela aparece ao lado de sua namorada, amigos e um cartaz de Glauco Vilas Boas, um dos fundadores da igreja Céu de Maria, que pratica o Santo Daime.

Maria ao lado da namorada, que também é adepta da doutrina/Foto: Reprodução

“Com humildade, depois de caminhar por cinco anos sob os ensinamentos da Rainha da Floresta e da sagrada Ayahuasca junto aos povos originários, e estudar por nove meses (o equivalente a uma gestação), estou pronta para me aprofundar e explorar esses estudos, me apresentando à luz do Santo Cruzeiro como uma aprendiz humilde desta Santa Doutrina”, escreveu Maria.

O Santo Daime é uma doutrina brasileira, originária do Acre, que teve seu início nos rituais indígenas e foi posteriormente difundida nas áreas urbanas do Acre por seu fundador, Irineu Serra, um maranhense que chegou ao Acre no início do século passado e estabeleceu contato com os índios do Alto Acre para receber os rituais sagrados da bebida.

Essa história é relatada no livro “Vovó Irineu”, escrito pelo jornalista Jairo Carioca, também um seguidor da doutrina.

Maria Casadevall em clique raro na aldeia indígena do Acre. Foto: Reprodução

No ano passado, após um período de afastamento das redes sociais, Maria surgiu em uma transformação notável, com cabelos raspados, em uma aldeia indígena Huni Kuin, no município de Tarauacá, no interior do Acre.

As imagens raras foram compartilhadas nas redes sociais do coletivo indígena Ori Yuxibu, do qual a atriz faz parte, mostrando-a participando de rituais da etnia indígena acreana conhecida por proteger o chá da Ayahuasca.

Sobre

@2024 – Todos os direitos reservados. Hospedado e desenvolvido por RJ Sistemas