Amazônia Azul: entenda por que o Brasil é maior do que está no mapa

CNN Brasil adota a partir de hoje em seus mapas sobre o território brasileiro a representação da área marítima de 5,7 milhões de quilômetros quadrados

Quando pensamos na extensão territorial do Brasil, geralmente nos limitamos às suas fronteiras terrestres. O país, no entanto, é muito maior e engloba partes do oceano.

Falamos da Amazônia Azul, uma vasta área marítima sob jurisdição brasileira que possui uma importância estratégica, econômica e ambiental, fazendo do Brasil um país muito maior do que está nos mapas que conhecemos.

Mapa da Amazônia Azul: extensão marítima de 5,7 milhões de quilômetros quadrados no território brasileiro/Foto: CNN Brasil

São 5,7 milhões de quilômetros quadrados de extensão, segundo levantamento da Marinha do Brasil.

A partir desta segunda-feira (24), a CNN Brasil passa a adotar a extensão da Amazônia Azul nas artes em seus telejornais e no digital – veja o mapa acima.

O que você precisa saber sobre a Amazônia Azul

A Amazônia Azul constitui acervo de ampla biodiversidade, com incontáveis recursos minerais e naturais, de onde são extraídos 95% do petróleo e 80% do gás natural produzidos no Brasil. É por lá que trafegam mais de 95% do comércio exterior brasileiro, segundo informações da Marinha passadas para a CNN.

A área é uma zona econômica exclusiva (ZEE) do Brasil, que se estende com 5,7 milhões de quilômetros quadrados.

A expansão é comparável em tamanho à Floresta Amazônica, daí o nome “Amazônia Azul”.

“É uma equiparação com a Floresta Amazônica (‘Amazônia Verde’), em termos de dimensões, abundância de recursos naturais e importância ambiental, científica e econômica”, segundo informações da Marinha do Brasil.

A área é vista como um conceito político-estratégico do poder marítimo do país, assim como os desafios que isso demanda.

As riquezas existentes na Amazônia Azul conferem a essa extensa área marítima de inegável importância, exigindo do país esforços no sentido de fiscalizar as atividades ali desenvolvidas, segundo a Marinha.

Sobre

@2024 – Todos os direitos reservados. Hospedado e desenvolvido por RJ Sistemas