Cidade do Acre já registrou dez casos de estupro de vulnerável em 2024, diz Conselho Tutelar

Dados emitidos pelo Conselho Tutelar de Sena Madureira revelaram que somente neste ano já foram registrados dez casos de estupro de vulnerável no município, englobando tanto a zona urbana quanto a rural.

De acordo com Emerson Espíndola, conselheiro tutelar, trata-se de uma situação preocupante, porém, as autoridades estão atentas para coibir esse tipo de prática e punir os responsáveis.

“O estupro de vulnerável se aplica para qualquer pessoa que mantenha conjunção carnal ou pratique outro ato libidinoso com menor de 14 anos, mesmo havendo consentimento”, destacou.

Nesse mês de maio, onde se focaliza o combate ao abuso e exploração sexual contra crianças e adolescentes, algumas ações estão sendo realizadas em Sena Madureira visando chamar a atenção da comunidade para o problema.

“É fundamental que os pais fiquem atentos e possam nos procurar quando houver a necessidade. Só é possível esse enfrentamento com a participação da comunidade”, acrescentou.

As denúncias relacionadas ao estupro de vulnerável, abuso sexual e outros crimes contra crianças e adolescentes podem ser feitas através do telefone do próprio Conselho Tutelar de Sena Madureira: 99983 8058

Sobre

@2024 – Todos os direitos reservados. Hospedado e desenvolvido por RJ Sistemas