Situação das UTIs melhora, mas Acre possui apenas seis leitos disponíveis, diz Sesacre

Dados do Observatório em Saúde da Secretaria de Estado de Saúde do Acre (Sesacre) apontam uma melhora na situação das Unidades de Terapia Intensiva (UTI) em  Rio Branco. Em nova atualização nesta terça-feira (21) às 14h, o painel mostrou seis leitos disponíveis no estado, dois na Pronto-Socorro e quatro na Fundhacre.

O Governo do Acre decretou, na última semana, emergência em saúde pública em todo o estado.

O decreto vale por três meses e se dá em virtude do aumento expressivo de casos de Síndrome Respiratória Aguda Grave (SRAG) e da superlotação dos leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI).

Fonte: Observatório em Saúde da Sesacre

Monitoramento

Os dados, atualizados nesta terça-feira, às 14h, mostram que há 27 leitos de UTI no Pronto-Socorro, 18 leitos na Fundação Hospitalar do Acre (Fundhacre), 20 leitos no Hospital Santa Juliana e 10 leitos no Hospital Regional do Juruá, destes quatro estão disponíveis na Fundhacre e dois na unidade do Pronto-Socorro.

Os leitos pediátricos estão com menor taxa de ocupação, segundo o Observatório. No Pronto-Socorro de  Rio Branco, dos 15 leitos clínicos, dois estão ocupados.

Já no Hospital Iolanda Costa e Silva, o Hospital da Criança, dos 20 leitos de UTI pediátricos, nove estão ocupados e dos 50 leitos clínicos, 33 estão com pacientes.

Sobre

@2024 – Todos os direitos reservados. Hospedado e desenvolvido por RJ Sistemas